mevclinic.net clinica medicina estetica e cirurgia vascular

AUMENTO MAMÁRIO

INTRODUÇÃO

O aumento mamário com próteses é hoje em dia o tratamento cirúrgico cosmético mais frequente a nível das sociedades evoluídas. A popularidade e os bons resultados obtidos associados a uma boa aceitação social, fazem com que as mulheres se sintam confortáveis e desinibidas no recurso a este tipo de tratamento. Mamas que são hipodesenvolvidas, pequenas ou atrofiadas devido a factores genéticos ou à gravidez, são a causa que impele as mulheres a procurar a proporção e harmonia para o seu corpo e o conforto de poderem usar o vestuário da sua preferência, através duma dramática melhoria causada pela cirurgia.

GENERALIDADES

Para se candidatar a este tipo de cirurgia a mulher deve ter, em regra, mais de dezoito anos, ausência de patologia mamária, bom estado geral físico e psicológico.Não deve ter tido gravidez e parto há menos de seis meses e deverá adiar a sua cirurgia se pretender engravidar nos próximos 1 a 2 anos (as alterações introduzidas no organismo pela gravidez podem interferir com os resultados estéticos obtidos pela cirurgia ). Não existe nenhuma técnica perfeita, nenhum implante perfeito, nenhum cirurgião perfeito e nenhuma paciente perfeita… Os bons resultados obtêm-se com um conjunto de factores que se completam e contribuem para os melhores resultados e a satisfação final da paciente.

PEÇA-NOS UM ORÇAMENTO

OU MAIS INFORMAÇÕES

CONDIÇÕES ESPECIAIS DE FINANCIAMENTO - CONSULTE-NOS

Há muitos aspectos técnicos a considerar quando se pretende  avançar para uma mamoplastia de aumento, a saber:

 

1. Local da incisão - Axilar, periareolar , inframamária ou transumbilical

2. Posição do implante - Sub glandular ou sub muscular

3. Tipo de implante - Salino ou gel de silicone

4. Textura da superfície do implante - Liso ou texturado

5. Forma do implante - Redondo ou anatómico (em forma de gota)

6. Projecção do implante - Baixa, média ou alta

7. Volume do implante

 

Qualquer via tem as suas vantagens e inconvenientes e qualquer cirurgião tem preferência ou sente-se mais à vontade com esta ou aquela abordagem.Na literatura médica podem encontrar-se múltiplas referências às vantagens e inconvenientes das varias vias de abordagem, de colocação do implante, tipo e volume do implante, etc.A solução final é encontrar uma técnica em que o cirurgião se sinta confortável e de que tenha experiencia, uma perfeita identificação das aspirações da paciente e que resulte numa operação com bom resultado, torne a paciente feliz e não tenha complicações

AUMENTO MAMÁRIO ATRAVÉS DA ARÉOLA

Nesta técnica usa-se uma incisão à volta de metade do mamilo (periareolar) que gera uma cicatriz muito ténue, habitualmente imperceptível (na transição entre o tecido areolar e a pele) com o passar do tempo.

A recuperação é idêntica à dos outros métodos de abordagem, com o mesmo pós operatório e alta uma a duas horas após a cirurgia, sem drenos e com a necessidade apenas de um soutien de compressão.

AUMENTO POR VIA INFRAMAMÁRIA

A prega na base da mama (ou prega inframamária) é uma via excelente de abordagem para um largo numero de pacientes. Com uma incisão de cerca de 5 cm consegue-se uma excelente porta de entrada para a prótese, principalmente quando se usam próteses de maiores dimensões. Em casos do hipoplasia marcada da glândula mamária e quando se usam próteses de pequenas dimensões, não é uma via muito recomendável.

 

A recuperação é idêntica à das outras vias de abordagem com alta uma a duas horas após a cirurgia, sem drenos e apenas com a necessidade de utilização de soutien de compressão.

PRÓS E CONTRAS DAS DIVERSAS VIAS DE ABORDAGEM

 

VIA AXILAR:

 

Prós

1. Ausência de cicatriz na mama

2. Cicatriz axilar bem tolerada e com capacidade de dissimulação completa

3. Não interferência com futura amamentação

4. Controle cirúrgico mais apurado da colocação da prótese e controle da hemorragia (no caso da cirurgia endoscópica)

 

Contras

1. Uma cicatriz menos conseguida pode ser visível, principalmente em axilas de pequena dimensão

2. Técnica desaconselhada em caso de mamas tuberosas

3. Técnica desaconselhada em casos de revisão da prótese ou capsulectomia

4. Risco de formação de banda cicatricial na axila

 

VIA INFRAMAMÁRIA:

 

Prós

1. Visualização directa da criação da bolsa e posicionamento do implante.

2. Em casos de próteses maiores a cicatriz fica mais escondida.

3. Boa abordagem para revisões ou capsulectomias.

4. Boa abordagem para mamas tuberosas.

 

Contras

1. Cicatriz potencialmente visível

2. Cicatriz visível nos casos de pequenos implantes

3. Cicatriz visível na posição de deitada

 

VIA PERIAREOLAR:

 

Prós

1. Excelente visibilidade na criação da bolsa e colocação do implante.

2. Cicatriz habitualmente dissimulada pela zona de transição areola/pele.

3. Boa abordagem para revisão da prótese e capsulectomia.

4. Boa abordagem para mama tuberosa

 

Contras

1. Possibilidade de provocar alterações sensitivas do mamilo.

2. Possibilidade de ocasionar alterações numa eventual amamentação futura

 

POSIÇÃO SUBMUSCULAR VERSOS SUBGLANDULAR 

Uma vez decidida a via de abordagem, importa decidir se a prótese vai ser colocada por baixo ou por cima do músculo peitoral.Embora a maioria dos casos seja efectuada por via sub muscular, não quer dizer que a via subglandular seja incorrecta. O aspecto mais importante é a espessura da pele e a sua capacidade de albergar a espessura da prótese por forma a que os bordos desta não sejam detectáveis à palpação.

 

A utilização de implantes redondos ou anatómicos (em forma de gota) podem ser de especial importância nesta discussão. A utilização de implantes em posição submuscular pode ser preferível pela vantagem de que se pode beneficiar em termos de visualização do tecido mamário em futuras mamografias. Adicionalmente alguns dados estatísticos sugerem que a colocação submuscular implica uma menor incidência de retracção capsular. Com implantes em posição submuscular podem ocorrer movimentos da mama quando se faz a contracção do musculo peitoral (este aspecto pode ser de particular importância em pacientes que fazem body building) A colocação de implantes por via submuscular origina habitualmente um pós operatório mais doloroso, embora por apenas uns dias e que se controla com medicação analgésica adequada.

 

 

CONSULTA PRÉ OPERATÓRIA

A consulta pré operatória, com avaliação das expectativas da paciente, discussão aberta de todas as possibilidades e potencialidades dos métodos a utilizar, obtenção de medidas anatómicas rigorosas, experimentação de moldes externos que mimetizam a dimensão das próteses a utilizar e estrita observância das contra indicações e limitações de todas as abordagens possíveis, constitui a mais eficaz ferramenta para a obtenção do sucesso cirúrgico e dobem estar e satisfação da paciente.

AUMENTO MAMÁRIO COM GORDURA AUTÓLOGA E FACTORES DE CRESCIMENTO (SEM PRÓTESES)

O aumento mamário produzido com gordura tirada de outra parte do corpo, enriquecida com factores de crescimento do próprio organismo é hoje uma realidade e uma alternativa para a utilização de implantes de silicone ou outras matérias artificiais. Este procedimento está indicado em mulheres que sempre quiseram um peito maior e para as que, pelas mais variadas razões (aleitamento, perda de peso) viram o volume do peito reduzir de forma notória. Com este método consegue-se um aumento considerável de volume, numa única intervenção com ou sem distensão prévia da pele da mama.

 

O aumento mamário é levado a cabo em bloco operatório devidamente equipado e com anestesia local. O procedimento dura cerca de três horas.A gordura é recolhida por lipoaspiração , sem recurso a máquinas de sucção de forma a preservar a integridade das células de gordura (adipócitos) e em seguida enriquecida com factores de crescimento que contribuem para uma maior longevidade do que no caso da utilização de gordura isolada.

 

O pós operatório é bem tolerado com retorno à actividade normal ao fim de um ou dois dias e necessidade de um soutien de compressão, tipo desportivo, durante cerca de 4 semanas.

 

Os resultados são excelentes na medida em que o peito assume um aspecto natural, em qualquer posição, seja em repouso, seja em movimento.Por outro lado, os efeitos rejuvenescedores dos factores de crescimento dão ao peito uma melhor aparência com aspecto mais jovem e mais firme.

mevclinic.net clinica medicina estetica e cirurgia vascular

+351 917 652 539

mevclinic@gmail.com 

  • Facebook Social Icon
Li e concordo com os Termos de Uso e a Política de Privacidade / I read and agree with Terms and Privacy Policy